Psoríase

Um blogue. Um olhar diferente.

Formas de tratamento da psoríase

Em posts anteriores indiquei algumas coisas que se podem fazer para acalmar as lesões da psoríase. Por exemplo, o tratamento da psoríase pode ser feito com recurso a métodos naturais; ajudado pela adopção de uma alimentação saudável; pelo controle dos níveis de stress; pela exposição ao sol e idas à praia.
Segundo a Wikipedia, as seguintes formas de tratamento da psoríase são utilizadas nos dias de hoje:

  • Tópicos: pomadas, banhos sobre a pele.
  • Fototerapias: luz ultravioleta.
  • Sistêmicos: via oral, injecções (também chamados internos).
  • Tratamento com medicamentos imunobiológicos.
  • Limpeza por peixes.
  • Tratamento combinados – tópicos + terapias + internos.
  • Psicoterapia.
  • Balneoterapia: banhos, barros, etc.
  • Climaterapia.
  • Acupuntura também ajuda no processo de cura desta, pois relaxa e alivia o stress.

Psoríase: cura?

Cura da psoríase? A psoríase, que eu saiba, não tem cura. Aliás, que se saiba. Daí que eu veja com alguma renitência certas empresas que advogam ter a cura da psoríase, que seja através da aplicação de tratamentos milagrosos, pomadas que mais me soam a banha da cobra, ou o diabo a sete. Até acredito que tais poções mágicas possam auxiliar no tratamento da doença mas, na cura, sinceramente não me parece. A menos que me provem o contrário ;)
Por exemplo, o Tratamento da Psoríase pode ser feito com recurso a métodos naturais, como já contei aqui no blogue. E, com esse tratamento que já cá referi, pelos menos uma pessoa que conheço melhorou bastante das lesões da pele, principalmente das pernas e braços.
Tenham muito cuidado. Procurem na Internet tratamentos alternativos naturais. É um excelente meio de informação.

Acalmar as lesões da psoríase

No post anterior indiquei as três pomadas que uso para combater a psoríase. No entanto, convém não esquecer que existem muitas coisas que se podem fazer para acalmar as lesões desta doença de pele. Coisas simples. Por exemplo, o Tratamento da Psoríase pode ser feito com recurso a métodos naturais, como já referi aqui no blogue. Seguir uma alimentação saudável também ajuda. Controlar os níveis de stress também é boa ideia. Apanhar um pouco de sol e ir à praia são conselhos a seguir. Ainda hoje lá fui ;)
E muito importante: cada caso é um caso. O tratamento que o vosso amigo segue poderá não ser o mais indicado para vosso caso. Muitas vezes um eczema poderá ser confundido com psoríase.

Pomadas para tratamento da psoríase

O que uso para o tratamento da psoríase? De momento, recorro a três pomadas distintas. Duas delas, o Daivobet (Calcipotriol e Dipropionato de Betametasona) e o Daivonex (Calcipotriol) – ambas indicadas para o tratamento da psoríase vulgar – aplico no couro cabeludo e sobrancelhas. A terceira que uso é a Bonalfa (Tacalcitol), que coloco nas manchas corporais, incluindo uma que teima em crescer na face.
Já consultei vários dermatologistas e denoto duas opiniões completamente antagónicas no que concerne à frequência da aplicação das pomadas. Uns, afirmam que deverá ser todos os dias, esteja a pele calma ou não; outros, advogam a aplicação apenas em momentos de maior crise. Concordo mais com esta ultima ideia: não sei porquê, mas penso que a pele pode sofrer também consequências da aplicação excessiva; podendo ser, depois, pior a emenda que o soneto…

Tratamento da Psoríase

Tratamento da Psoríase. É a pergunta que mais me têm feito ultimamente. A psoríase, que se saiba, não tem cura. Daí que, por vezes, seja complicado estarmos a seguir um plano de tratamento para a psoríase quando sabemos que não resolverá definitivamente o problema. Passam-se dias sem que eu faça tratamento.
Há pouco tempo uma amiga que sofre do mesmo problema aconselhou-me um tratamento natural, à base de calafite (não sei se será este o termo correcto).
O tratamento natural consiste em colocar na banheira uma panela de chá da planta seca, encher o resto com água e adicionar umas gotas de vinagre. O calafite é conhecido pelas suas propriedades cicatrizantes e, segundo o meu médico, pelo menos mal não faz ;) Pelo que não custa nada tentar. Fica aqui mais uma dica.